Acesso ao contéudo
 

Fibromialgia: O diagnóstico

Fibromialgia: O diagnóstico

 

Resumo. No passado o diagnóstico de fibromialgia era feito apenas pelo médico durante uma consulta mas atualmente foram introduzidos novos critérios diagnósticos para que os leigos possam desenvolver uma ideia mais clara se possuem ou não fibromialgia (FM). Este diagnóstico leigo embora tenha que ser posteriormente confirmado pelo médico, permite que o público em geral tenha maior consciência sobre a FM e estimule a prevenção e o tratamento. Para se chegar ao diagnóstico deve-se calcular o índice de dor difusa ou seja a quantidade de áreas dolorosas pelo corpo e após isto calcular a gravidade dos sintomas sintomas de insônia, cansaço, cefaleia etc. Para entender estes sintomas e sua gravidade é importante a leitura do capítulo anterior (Fibromialgia o que é) desenvolvido neste site, para posteriormente efetuar o diagnóstico. De posse destas informações o paciente poderá procurar o médico para confirmar a hipótese. O diagnóstico inclui o exame clínico e alguns exames laboratoriais, para exclusão de outras patologias com dor difusa